Dia 28 de julho PRETTYMUCH apresentou a FOMO Tour em Chicago. Confira as fotos e vídeos:

HOME > TURNÊS || TOURS > FOMO TOUR > 28/07 – CHICAGO, IL @ ROSEMONT THEATRE (clique nas miniaturas para uma melhor visualização):

66212425_589737371558306_1984083812482943191_n.jpg
66312950_369924057003980_8600538007131251047_n.jpg
66468730_160884761718288_5095321872695488970_n.jpg
  1. Lying
  2. 4U
  3. Rock Witchu
  4. Jello
  5. 10,000 Hours
  6. BLiND
  7. One Shot/Eyes Off You/Temporary Heart
  8. Gone 2 Long
  9. Would You Mind/No More/Healthy
  10. Solita
  11. Real Friends
  12. Teacher
  13. On My Way
  14. Phases
  15. Open Arms (Remix)

No dia 27 de julho PRETTYMUCH apresentou sua turnê de verão, FOMO Tour, na cidade de Detroit. Confira fotos e vídeos:

HOME > TURNÊS || TOURS > FOMO TOUR > 27/07 – DETROIT, MI @ THE FILLMORE DETROIT (clique nas miniaturas para uma melhor visualização):
IMG_7116.jpg
IMG_7177.jpg
66110212_144435770086759_6605087267651359415_n.jpg
IMG_7103.jpg
  1. Lying
  2. 4U
  3. Rock Witchu
  4. Jello
  5. 10,000 Hours
  6. BLiND
  7. One Shot/Eyes Off You/Temporary Heart
  8. Gone 2 Long
  9. Would You Mind/No More/Healthy
  10. Solita
  11. Real Friends
  12. Teacher
  13. On My Way
  14. Phases
  15. On My Way (Remix)

Seguindo a agenda de turnês, a boyband PRETTYMUCH se apresentou com sua nova turnê, “FOMO Tour”, em Toronto, no dia 26 de julho. Confira as imagens postadas em nossa galeria e os videos dessa apresentação:

HOME > TURNÊS || TOURS > FOMO TOUR > 26/07 – TORONTO, ON @ REBEL (clique nas miniaturas para uma melhor visualização):

71532523_388275615172515_6452714410445304576_n.jpg
69678656_130726924929657_9006666223096338512_n.jpg
62229306_149471999471505_8044311830554070998_n.jpg
66148819_2159880130806417_5016588502296061974_n.jpg
  1. Lying
  2. 4U
  3. Rock Witchu
  4. Jello
  5. 10,000 Hours
  6. BLiND
  7. One Shot/Eyes Off You/Temporary Heart
  8. Gone 2 Long
  9. Would You Mind/No More/Healthy
  10. Solita
  11. Real Friends
  12. Teacher
  13. On My Way
  14. Phases
  15. Open Arms (remix)

No dia 23 de julho, a boyband PRETTYMUCH apresentou sua turnê de verão, a “FOMO Tour” em Nova York.

O rapper Lil Tjay estava na cidade e performou “Lying”, a primeira música do show, junto com os meninos. Confira fotos e videos (clique nas miniaturas para melhor visualização):

HOME > TURNÊS || TOURS > FOMO TOUR > 23/07 – NOVA YORK, NY @ MANHATTAN CENTER HAMMERSTEIN BALLROOM

67289318_340441273556825_1998520897210151559_n.jpg
66121849_499878354114054_5494834673584768336_n.jpg
  1. Lying
  2. 4U
  3. Rock Witchu
  4. Jello
  5. 10,000 Hours
  6. BLiND
  7. One Shot/Eyes Off You/Temporary Heart
  8. Gone 2 Long
  9. Would You Mind/No More/Healthy
  10. Solita
  11. Real Friends
  12. Teacher
  13. On My Way
  14. Phases
  15. Open Arms (Remix)

No dia 21 de Julho a boyband PRETTYMUCH apresentou sua turne de verão, a FOMO Tour, em Boston, no House of Blues Boston apresentado pela Cricket Wireless.

Confira as fotos e o vídeo:

Home > TURNÊS || TOURS > FOMO Tour > 21/07 – Boston, MA @ House of Blues Boston apresentado pela Cricket Wireless (clique nas miniaturas abaixo para uma melhor experiência):

66425151_456985368190590_3186642215759498173_n.jpg
67398356_371239680470149_3397728148192397222_n.jpg
68994480_483773362406316_8731136478204393899_n.jpg
ediwnhonoret_66132791_2496267870645336_188096761803203115_n.jpg

Não achamos nenhum vídeo desse show, apena ESSE VLOG.

Cada época tem sua boyband – como um timestamp na cultura pop, eles são um reflexo dos tempos. O grupo PRETTYMUCH de todos os cantos e todas as danças representa a era da acessibilidade . Sua moeda é personalidade e seu apelo vem da acessibilidade. Composto por Austin Porter, Nick Mara , Edwin Honoret , Brandon Arreaga e Zion Kuwonu , sua base de fãs leais – chamada “BEANZ” – pode se sentir conectada a qualquer membro em qualquer plataforma de mídia social, independentemente do fuso horário ou local.

Apesar de acenar para bandas icônicas que vieram antes deles como Boyz II Men , * NSYNC e One Direction são freqüentemente jogados ao redor. Sua comparação mais próxima não seria qualquer banda que vimos nas últimas duas décadas. Como é o caminho milenar, o PRETTYMUCH pegou o modelo de boy band convencional e o virou. Não há charada de imagem de cortador de cookies. A atração está em sua autenticidade. Eles amaldiçoam e expressam livremente suas peculiaridades. Através dos olhos curiosos da mídia social, a insinceridade é facilmente percebida – é claro que os garotos compartilham um vínculo orgânico. 

De sua energia dinâmica, estilo vibrante e unhas pintadas, a banda é difícil de perder. Montado por ninguém menos que o magnata da música Simon Cowell em 2016, cada membro é um artista natural que brilha com qualidade de estrela. O som PRETTYMUCH é edificante, muito bom e não pode ser encaixotado em um gênero. Influenciados por estrelas como Justin Bieber , Usher e Bruno Mars, eles fundem ganchos pop com ritmos harmônicos de R & B e produção inspirada no Hip-Hop. Crescendo em jovens longe de suas famílias, eles têm um ao outro. Eles compartilham uma casa em Los Angeles e é onde eles criam. Eles orgulhosamente tomam as rédeas na direção de sua música com os setups de um estúdio improvisado em sua casa para que eles possam escrever sempre que houver inspiração. Os meninos até co-produziram e co-escreveram muitas de ultimo EP, Phases . 

O PRETTYMUCH é um antídoto refrescante para o período de seca da boy band que tem atormentado a cena Pop Ocidental nos últimos anos. A PRETTYMUCH não vende ao público uma fantasia de perfeição projetada por um estúdio. Sua capacidade de identificação faz com que seu impacto seja maior que seu talento e será o combustível para seu legado. Após o lançamento de sua faixa influenciada pela armadilha melódica “Lying“, Schön! fala aos rapazes sobre seu amor pelas multidões de Londres, sua inesperada audição para Simon Cowell e como a convivência conjunta proporciona um refúgio criativo.

Onde cada um de vocês cresceu?

Edwin : Eu cresci no Bronx. Foi muito legal porque me ensinou muito sobre diferentes culturas. Eu acho que muito da minha criatividade deriva da cultura em que cresci. 

Brandon: Eu cresci em Corinth, no Texas. Foi definitivamente mais orientado para os esportes, uma vez que o Texas é tão grande em esportes, mas todos os meus amigos me apoiavam muito na busca de um caminho mais criativo. 

Sião: Eu cresci em Ottawa, no Canadá. Era um lugar legal para crescer, com certeza. Eu joguei hóquei, claro. 

Austin: Eu cresci na Carolina do Norte, Charlotte, para ser exato. Eu tinha muito espaço para realmente exagerar a imaginação que eu tinha. 

Nick: Eu nasci em Nova York, mas cresci em Nova Jersey. Eu sou uma pessoa grande família e toda a minha família viveu muito perto.

Qual foi a trilha sonora da sua infância? Houve algum artista em particular que te inspirou a fazer música?

Z: Bob Marley, com certeza, meus pais sempre tiveram sua música tocando em casa.

R: Os maiores sucessos de James Taylor foram uma repetição e influenciaram tanto o meu gosto musical.  

N: Eu costumava tocar “ Wall to Wall “ de Chris Brown ou qualquer uma de suas músicas para esse assunto. Ele me influenciou musicalmente e é por isso que eu amo muito o R&B. 

E: Usher e Lauryn Hill foram grandes inspirações durante toda a minha vida. Eu me apaixonei por R&B quando criança e desde então sempre quis imitar esse som e torná-lo meu.

B: Justin Bieber foi uma inspiração enorme e meio que me fez ser como “oh isso poderia ser uma carreira legal”.  

Como vocês foram de fãs de artistas a se tornarem artistas?

Z: Honestamente, eu não estava realmente tentando, mas eu tinha alguns amigos fazendo música. [Eles] precisavam de alguém para cantar uma parte da música deles e me pediram para cantar. Eles estavam tocando para todos na escola e as meninas descobriram que eu podia cantar e estavam conversando comigo sobre isso. Eu estava tipo “hm, eu acho que vou tentar essa coisa de música.”

N: Antes de tudo, eu era uma dançarina e lentamente comecei a cantar, porque eu olhava para outros artistas que faziam as duas coisas e pensavam “que poderia ser eu”. 

B: Eu comecei a fazer trabalhos de interpretação e modelagem com aproximadamente 11 anos e todo o dinheiro que recebi daqueles trabalhos que usei para adquirir equipamentos para o meu home studio e continuei trabalhando no meu próprio trabalho todos os dias. 

E: Fazer música e aperfeiçoar minha voz era algo que eu fazia no meu tempo livre. Quando percebi o quanto gostava de cantar, comecei a cantar no YouTube e fazer vídeos por diversão. 

A: Eu comecei a dançar e então um dia alguém sugeriu que eu entrasse no estúdio e tudo acabou saindo de lá.   

Você sempre soube que queria seguir com a música?

B: Absolutamente. Eu acho que sabia desde cedo que música era o que eu deveria fazer. 

R: Sempre tive um plano geral para minha vida e a música era 100% parte disso.  

Z: Eu realmente não tinha uma ideia de que poderia ser um “trabalho” até que eu vi o documentário Never Say Never de Justin Bieber e eu fiquei tipo “Eu quero fazer isso!”

N: Eu sabia que queria me apresentar, estar no palco, fazer as pessoas felizes e ter um efeito positivo sobre elas. Uma vez que descobri que este era o meu caminho, corri com ele e nunca mais olhei para trás.

E: Eu não tinha nenhum caminho para focar. Eu só sabia que queria ser o melhor em tudo o que eu estava fazendo. Mas subconscientemente, esse impulso de ser o melhor estava afetando minha habilidade musical da melhor maneira e eu tenho sido tão abençoado.  

Você pode nos dizer como o PRETTYMUCH se uniu?

E: Tudo aconteceu do nada para todos nós. Nós estávamos fazendo nossas próprias coisas fazendo música e então um dia alguém da Syco Music estendeu a mão para fazer uma audição para um showcase. Então, todos nós voamos para Nova York e não tínhamos ideia até que entramos, na verdade, estávamos fazendo testes para Simon Cowell. Eles nos colocaram todos juntos depois disso e nos mudaram para Los Angeles. O resto é história!

A convivência ajuda a sua música?

Z: Isso definitivamente ajuda a todos nós estarmos no mesmo comprimento de onda o tempo todo. Tipo, quando um de nós está passando por algo que todos conhecemos e vivenciamos juntos e podemos trocar idéias um com o outro o tempo todo. 

E: Além disso, temos três estúdios na casa, então podemos apenas juntar algo sempre que nos inspirarmos. 

R: Conviver com esses caras o tempo todo significa que nunca paramos de trabalhar. Tipo, tudo que fazemos vai direto para a música.

Onde você encontra inspiração para suas composições?

: Eu diria que a maior parte da nossa inspiração vem de tudo o que estamos passando. Estamos experimentando muito juntos, tendo fãs e toda a responsabilidade que vem com isso. Ao mesmo tempo, estamos navegando em todas as coisas normais de 19 anos, como relacionamentos, amizades, mas também estando longe de nossas famílias. Então nos inspiramos em todas essas coisas.

Você se lembra da primeira música que você escreveu juntos?

B: Nós estávamos dentro e fora do estúdio e um dia nós estávamos com Savan Kotecha e começamos a escrever nossa música “ Open Arms ”. Foi a primeira vez que ajudamos a escrever uma música e sentimos na sala que nós tínhamos algo ótimo. Nós ligamos para o nosso gerente e lhe dissemos para vir ao estúdio o mais rápido possível para que pudéssemos tocar para ele. 

N: Sim, e agora essa é uma das músicas favoritas dos fãs e é sempre uma que eles cantam junto, colocam suas luzes de telefone, é realmente especial. 

O que você acha que o diferencia de outras bandas populares da última década?

R: Acho que a maneira como nos mantemos fiéis a nós mesmos e transmitimos nossas experiências através de nossa música é única. Tudo o que você ouve de nós vem de nós e de nossas vidas reais, e é por isso que somos capazes de nos conectar com tantas pessoas na minha opinião. 

E: Eu também acho que o fato de que todos nós genuinamente gostamos um do outro e todos nós somos realmente bons amigos nos diferencia, com certeza. Nós somos irmãos.

Você tem uma base de fãs super leal. Será que é tão grande o fato de tantos estranhos investirem em você?

A: Eu não diria que é esmagadora. Pode ser um pouco louco com as mídias sociais, às vezes, mas no final do dia, nossos fãs são tudo. Nós conseguimos viver nossos sonhos por causa deles.

Z: Sim, como ter fãs nos seguindo no Instagram e no Twitter faz com que eles se sintam como se nos conhecessem, o que é uma droga porque nós os amamos e queremos conhecê-los também. Ao mesmo tempo, você tem que descobrir como manter uma linha entre o que você compartilha e o que você mantém em sigilo.

Como você lida com a fama da Internet e fica ancorado?

E: Nós nos mantemos de castigo, honestamente. Acho que todos nós nos sentimos muito gratos por estar nessa posição e, portanto, não deixamos que isso aconteça demais.

 N: Sim, também nossas famílias. Eu falo com a minha mãe todos os dias, o que sempre mantém a minha cabeça em frente

B: Ainda temos um longo caminho a percorrer até chegarmos onde queremos estar no final. Queremos que o PRETTYMUCH continue crescendo e atingindo mais pessoas. Então temos que nos manter em cheque para chegar lá. 

O que podemos encontrar quando você não está fazendo música ou ensaiando?

B: É tudo sobre música, cara. Como se eu não estivesse no estúdio, estou pensando em música, ouvindo música ou escrevendo. 

A: estou sempre criando. A expressão criativa é a coisa mais importante para mim. Então, se não é música, estou pintando ou fazendo desenhos no computador ou rabiscando.

Z: Você sempre pode me pegar com meu cachorro, Simba, se eu não estou fazendo música.

Quem seria o seu colaborador PRETTYMUCH ideal?

E: Eu acho que seria incrível trabalhar com Tyler, The Creator . Eu realmente admiro a maneira como ele produz, escreve e cria tudo. Ele empurra limites com tudo que ele faz. 

Z: Claro que também seria muito legal trabalhar com Justin Bieber. Eu cresci com ele sendo como o maior superstar para pessoas da minha idade e ele ainda é. Essa colaboração seria DOENTE. 

Quem tem sido um mentor importante em sua jornada até agora? 

E: O nosso coreógrafo Ian Eastwood é um bom mentor, porque é muito criativo e aprecia o que significa ser criativo!

N: Meu principal mentor seria minha mãe e meus dois irmãos. Embora eu admire muitos artistas e pessoas em meu campo de trabalho, ainda vejo o que meus irmãos e minha mãe fizeram em tempos de adversidade e como eles me inspiraram a seguir em frente, não importando o que estivesse no caminho.

B: Honestamente, viver com os caras nos últimos três anos é como se todos nós tivéssemos sido nossos próprios mentores um para o outro. Eu sinto que me tornei quem eu sou com o grupo.

O que você gostaria de saber quando começou sua jornada como banda?

E: Honestamente, eu não mudaria nada sobre a nossa jornada. Nós crescemos juntos tanto, e você pode ver e ouvir isso em nossa música. Eu acho que isso aumenta a autenticidade que temos.

B: Sim, o tempo que tivemos para trabalhar em conjunto foi selvagem, mas nos levou até onde estamos hoje. 

Como foi sua vez em Londres? Quais foram as multidões no seu show? 

N: Londres era louca! Foi muito divertido, sempre gostamos de voltar a Londres, nunca decepciona. 

Z: Sim, o amor dos fãs foi incrível. Eu adorei ver até onde nossa música viajou e o fato de que pessoas ao redor do mundo podem vibrar conosco. Ver pessoas em outro país cantando cada palavra de nossas músicas era bem louco.

Qual sua coisa favorita sobre turnês?

E: Definitivamente, conhecendo nossos fãs. Estar em turnê e ter fãs literalmente cercando nossa van gritando foi um dos momentos mais surreais da minha vida.

N: Sim, assim como ver as pessoas comparecerem aos nossos shows e cantar todas as palavras é tão incrível e significa muito para nós. Isso nos inspira a continuar e continuar trabalhando.

B: E estamos tão animados para compartilhar nossa comunidade PRETTYMUCH pelo país. Nós trabalhamos muito nessa turnê e colocamos muita coisa nela, então só queremos que as pessoas aproveitem e se divirtam em nossos shows. 

Como você descreveria seu som para alguém que acaba de descobrir sua música?

B: Eu acho que nosso som é uma combinação de um som moderno de boy band com muita influência do R & B e Hip-Hop. Acho que estamos tentando trazer algo novo para o que as pessoas convencionalmente consideram uma “boy band”.

E: Nós queremos romper com a típica coisa pop que as pessoas associam a boy bands. Queremos que as pessoas escutem nossas músicas em 10, 20 anos e não pensem em nós como apenas mais uma banda pop boy.

Z: Nós não queremos ser colocados em uma caixa com nossa música. Queremos ser capazes de experimentar diferentes sons e estilos onde nos apetecer. 

Qual é a sua faixa favorita nas suas últimas fases do EP?

A: ” 4U ” é minha jam! 

B: Eu teria que dizer ” Gone 2 Long ” por causa de como é pessoal para mim. Foi a minha primeira faixa que eu escrevi e produzi, então foi um grande negócio.  

Z: ” Temporary Heart ” apenas acerta diferente.

Você está trabalhando em algum novo projeto no momento?

B: Ah sim, estamos sempre trabalhando em alguma coisa! Acabamos de fazer a música e a criatividade para toda a turnê, e temos algumas músicas novas que estamos trabalhando para finalizar e lançar em breve! 

E: Nós temos um projeto muito complicado em que estamos trabalhando e que poderemos compartilhar com os fãs em breve! Isso será inesperado! 

Por fim, o que vem a seguir para você?

R: Nosso tour pelos EUA e apenas criando mais e mais músicas. Temos algumas músicas em que estamos trabalhando e estamos super empolgados para compartilhar com os fãs este ano. 

N: E esperançosamente, podemos trazer esta turnê de volta a Londres e fazer um show lá novamente! 

Z: No final do dia, nós só queremos trabalhar para sermos melhores do que fomos ontem. 

Confira o último single do PRETTYMUCH, ‘ Lying ‘, lançado agora.

Confira o photoshoot completo dessa entrevista em nossa galeria, clicando nas miniaturas abaixo:

Home > ENSAIOS FOTOGRÁFICOS || PHOTOSHOOTS > 2019 > PRETTYMUCH para a Schön! Magazine
61111901_177466859936878_37536605483545163_n.jpg
65824064_147781863073077_6997757770540751549_n.jpg
65889684_1056586331203089_6494882738967918903_n.jpg
65901099_346676102924402_2134112240447128969_n.jpg

No dia 20 de Julho a PRETTYMUCH apresentou sua turnê de verão, a FOMO Tour, na Filadélfia – Pensilvânia.

Confira as fotos e os videos:

Início > TURNÊS || TOURS > FOMO Posto > 20/07 – Filadélfia, PA @ The Met Philadelphia (clique nas miniaturas abaixo para uma melhor experiência)
66626676_633520980465740_8541870683917917921_n.jpg
prettymuch_the_met_2019_02_750.png
prettymuch_the_met_2019_04_750.png
prettymuch_the_met_2019_06_750.png
  1. Lying
  2. 4U
  3. Rock Witchu
  4. Jello
  5. 10,000 Hours
  6. BLiND
  7. One Shot/Eyes Off You/Temporary Heart
  8. Gone 2 Long
  9. Would You Mind/No More/Healthy
  10. Solita
  11. Real Friends
  12. Teacher
  13. On My Way
  14. Phases
  15. Open Arms (Remix)

Dia 19 de Julho a boyband PRETTYMUCH deu continuidade a FOMO Tour, a turnê de verão da banda, fazendo um grande show em Washington, no DAR Constitution Hall.

Confira as fotos:

66841482_331020624517948_8253814699318771627_n.jpg
66174641_495806907842503_6904811443730560833_n.jpg
66826694_368328653880754_2892008788035033960_n.jpg

Não encontramos vídeos separados desse show, apenas ESSE VLOG.

PRETTYMUCH lançou no dia 19 de Julho o clipe e música de Lying, novo single da boyband.

A música está inclusa na FOMO Tour, a turnê de verão da PRETTYMUCH, sendo a primeira música da setlist do show.

Confira na íntegra:

Postamos os screencaps de Lying em nossa galeria e você pode conferir clicando nas miniaturas abaixo:

screencaps-lying00011.png
screencaps-lying00056.png
screencaps-lying00096.png
screencaps-lying00421.png

Não esqueça de dar stream no Youtube e Spotify hein, beanz?!

No dia 17 de Julho, PRETTYMUCH deu continuidade a sua turnê de verão, a FOMO Tour, dessa vez na cidade de Charlotte, na Carolina do Norte, no Charlotte Metro Credit Union Amphitheatre.

Como sempre, os meninos agitaram as fãs com as musicas repaginadas e novas coreografias. O show foi eletrizante!

Confira as fotos e os vídeo do show:

Home > TURNÊS || TOURS > FOMO Tour > 17/07 – Charlotte, Carolina do Norte @ Charlotte Metro Credit Union Amphitheatre (clique nas miniaturas para uma melhor experiência)
D_yek6xXsAEauNa.jpg
D_wyStDXYAIoR5P.jpg
D_xFXShXsAAeliz.jpg
  1. Lying
  2. 4U
  3. Rock Witchu
  4. Jello
  5. 10,000 Hours
  6. BLiND
  7. One Shot/Eyes Off You/Temporary Heart
  8. Gone 2 Long
  9. Would You Mind/No More/Healthy
  10. Solita
  11. Real Friends
  12. Teacher
  13. On My Way
  14. Phases
  15. Open Arms (Remix)
PRETTYMUCH Brasil - 2019 • Todos os direitos reservados • Visitantes online:
Host: Flaunt • Desenvolvido por Quercio Santos